Quarta-feira, 4 de Junho de 2008

Vamos a ver no que dá...

Portugal aprova protocolo e Brasil quer apressar Acordo Ortográfico
 

O Ministro brasileiro apresentará proposta prevendo o início da reforma ortográfica no Brasil a partir de Janeiro próximo, com um prazo de transição de três anos.

do Mundo Lusíada

O Parlamento português aprovou o segundo protocolo modificativo do Acordo Ortográfico, que permite a entrada em vigor do documento com a ratificação de apenas três países, e abre a possibilidade de adesão do Timor Leste.

Recebendo a notícia com satisfação, o ministro brasileiro da Educação, Fernando Haddad, disse que o Brasil quer acertar com Portugal um cronograma de implantação das medidas estabelecidas no acordo.

O ministro apresentará a proposta elaborada pela Comissão para Definição da Política de Ensino-Aprendizagem, Pesquisa e Promoção da Língua Portuguesa (COLIP), que prevê o início da reforma no Brasil a partir de Janeiro de 2009, com prazo de transição de três anos para total adaptação no país.

De acordo com o assessor especial do Ministério de Educação (MEC), Carlos Alberto Xavier, somente a partir de 2012 os alunos do ensino fundamental e médio terão acesso aos livros escolares reformados. “Até Janeiro de 2012 todos os vestibulares, concursos públicos e actividades escolares irão aceitar as duas normas para que a população se acostume com as 2 bases do acordo”.

No Brasil, os livros do Ensino Médio de 2009 não possuem as alterações ortográficas e valerão até 2012. Para as séries finais do Ensino Fundamental (5° a 8° série), em 2010, será feita nova compra dos livros já com a reforma.

Mas os livros para as séries iniciais (de 1ª a 4ª série) permanecem como estão até 2012. Segundo o MEC, as mudanças não seriam positivas para crianças em processo inicial de alfabetização, já que a "convivência com os dois livros poderia confundir". Para crianças de 5 a 8 anos deverá ser um período de transição produtivo.

Protocolo aprovado
No dia, 16 de Maio, o Parlamento português aprovou o segundo protocolo modificativo. O que esteve em discussão no parlamento não era o conteúdo do acordo, já ratificado em Portugal, mas apenas o protocolo.

“O português é a única das quatro línguas de relações internacionais que não têm um código ortográfico comum”, disse a deputada Teresa Portugal, do Partido Socialista (PS). Para Rui Gomes da Silva, do PSD, o acordo é importante como património e por “facilitar as relações entre os países lusófonos”. O Bloco de Esquerda também votou a favor do acordo que, segundo o deputado Luís Fazenda, coloca em questão apenas a uniformização da grafia, e não da sintaxe e do vocabulário.

O Centro Democrático Social - Partido Popular (CDS-PP) deu liberdade de voto à sua bancada. O deputado Mota Soares demonstrou apoio à resolução, defendendo que “a soberania portuguesa não é dona da língua portuguesa”, enquanto Nuno Melo afirmou que “a língua não se negocia como o petróleo”. Já o Partido Comunista Português (PCP) se absteve, alegando por meio do deputado João Oliveira que a resolução modificativa “não pode ser desligada do conteúdo material do acordo ortográfico”.

Na apresentação da resolução, o ministro português da Cultura defendeu “a unificação da grafia do português, já que há tendências para se aprofundarem as diferenças” e disse que o acordo vai “facilitar o uso do português por pessoas de graus de erudição diversos” disse José António Pinto Ribeiro. O ministro português está confiante na implementação do novo Acordo Ortográfico e salientou a necessidade de uniformização da grafia como “essencial” à internacionalização da língua portuguesa.

Manifesto contra
Um manifesto online contra o acordo ortográfico, iniciado em 2 de Maio, reuniu mais de 33 mil assinaturas, e foi entregue ao presidente da Assembleia da República nesta mesma sexta-feira.

Foram entregues também pareceres demonstrando as “fragilidades técnicas, científicas e políticas do acordo” e uma lista de 154 personalidades dos meios académico, cultural e artístico que assinaram a petição. Segundo o texto, a reforma ortográfica tem “inúmeras imprecisões, erros e ambiguidades”, classificando a proposta de “mal concebida”, “sem critério de rigor”, desnecessária e perniciosa.

"Lusa" do Mundo Lusíada.

 

Aqui fala-se Português editou às 17:28
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|

Enciclopédia e Dicionários
Clique na imagem:
 

Português de Portugal

Língua Portuguesa
on-line
Clique no dicionário:


Português de Portugal


Para conjugar 280.000 Verbos.
Clique no dicionário:

Português do Brasil

Setembro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9
10

11
12
13
14
15
16
17

18
19
20
21
22
24

25
26
27
28
29
30


Defendendo Olivença

Em defesa do português Oliventino

Olivença back to Portugal

Outros espaços

Recanto das Letras

pesquisar

 

Artigos Recentes

Discurso da presidenta Di...

Governo cria fundo de Lín...

Vamos a ver no que dá...

Divergências ou nacional...

Jornal de Notícias - Port...

ratificar o acordo ortogr...

Portugal aprova acordo or...

Bush criticou as despesas...

Acordo Ortográfico...

Morreu José Aparecido de ...

Arquivos

Setembro 2011

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Novembro 2007

Outubro 2007

Julho 2007

Maio 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Novembro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Nossos Sites
Nossos sites & Blogs
Miguel & Sylvia
Homepage de Miguel Roque
Orgulho de ser Alentejano
Liberdade cristã

Nossos Blogues
Tuga & Zuca
Filhos & Netos
Caminho de Fé
Busca primeiro o Reino
Liberdade Cristã (blog)
Viver Livremente
Alentejano de alma e coração
Alentejo Abandonado
Meu Alentejo amado
Sonho Alentejano
Povo Lusitano
Amizade, Portuga-Galiza
Aqui fala-se português
Península Ibérica
Península Ibérica-ZipNet
Republica, sim…
Independência em perigo
EU, acredito em Portugal
Portugal Ressuscitado
A Bandeira Vermelha
Bandiera Rossa
A voz do proletário
Olivença é Portuguesa
Jornal de Olivença
No meio do inimigo
Sylvinha em Portugal
Sub-blog do tapete
Vira útil
Chiquinha e nós

Nossos Grupos
Olivença é Portuguesa (msn)
Por Olivença (Orkut)
Por Olivença (Gazzag)
Viver Livremente (Yahoo)
Liberdade Cristã (Yahoo)
Liberdade Cristã (Gazzag)
Liberdade Cristã (Orkut)

Estou no...






Estou no Blog.com.pt
blogs SAPO

subscrever feeds

tags

todas as tags